Como melhorar o Ping para jogar? Descubra aqui!

Antes de atentarmos sobre como melhorar o Ping ou como melhorar o Ping dos jogos eletrônicos, é importante tomarmos, antes de mais nada, ciência do seu real significado técnico.

Resumidamente, o Ping (ou Packet Internet Groupar) é um teste de latência que informa ao usuário em quanto tempo um pacote de atualizações alcança o servidor; ou seja, como esses pacotes geralmente levam milissegundos para chegar até ele, é necessário analisar esse tempo a fim de descobrir possíveis falhas.

Em poucas palavras, sabemos que isso é necessário pois é o que determinará se as informações estão chegando com presteza nos diversos dispositivos hospedados em um mesmo servidor.

Mas como fazer?

Digamos que você esteja em meio a uma emocionante partida dessas de Free Fire, por exemplo, ou numa empolgante fase do famoso League of Legends. Pois bem, para que a experiência seja a melhor possível, é necessário que a conexão seja a melhor possível também. E caso isso não ocorra, as chances de que uma partida de game se transforme numa tremenda frustração são altíssimas.

Outra coisa importante a saber sobre essa latência dos dispositivos é que ela muitas vezes está ligada à velocidade do seu plano de internet. No mais das vezes, é isso que determinará uma troca rápida de informações entre dispositivo e servidor. E quando isso não ocorre, aí então é que surgem as famigeradas “travadas” que arruinam toda e qualquer navegação na internet.

Paralelamente a isso, saiba, também, que pode acontecer de você contratar um excelente plano de internet e ainda assim continuar tendo problemas. E o que isso significa é que você, necessariamente, precisará saber como diminuir o Ping dos dispositivos; uma estratégia que garantirá a melhor experiência possível durante as partidas.

Mas como, então, melhorar o Ping de forma eficaz?

Analise as condições da sua internet: planos, restrições, instalação de roteadores, etc. Experimente também a possibilidade de utilizar o cabo Ethernet diretamente no PC. Essa é uma solução das mais simples. Hoje já se sabe que muitas vezes esses problemas de latência são o resultado da própria natureza de um conexão por wi-fi. Ou seja, estamos falando de uma conexão muito fácil de sofrer interferências. E essas interferências se devem à sua própria forma de transmissão – feita por meio das ondas de rádio;

Outros detalhes

Também há como melhorar o Ping apenas posicionando corretamente o seu roteador. Resumidamente, o ideal é que ele permaneça em uma região central do ambiente. Mas também é ideal que os dispositivos e roteadores estejam no mesmo compartimento da casa. Isso é o que garante que não haverá interferência ou bloqueios, como fazem as paredes, móveis e objetos volumosos, por exemplo; todos eles empecilhos à correta transmissão das ondas de wi-fi;

Saiba também que há como melhorar o Ping durante uma partida apenas evitando carregar arquivos muito pesados. Você também conseguirá isso se não baixar programas que exigem muito espaço, assistir aquela série preferida da Netflix, entre outras execuções enquanto estiver jogando.

Além de tudo isso, também há como diminuir o Ping apenas praticando jogos compatíveis com o seu celular, tablet, iPhone ou PC. E, para garantir que o Ping esteja nas melhores condições possíveis, você terá que manter-se sempre atento às condições de memória desses seus dispositivos. Isso porque uma das causas dessas alterações de latência é justamente o excesso de lixo acumulado após uma série de downloads feitos muitas vezes de forma arriscada.

Ademais, acostume-se sempre a executar um programa de cada vez, sempre fechando um aplicativo antes de abrir outro. Dessa forma, você consegue melhorar o Ping dos seus dispositivos, ou mesmo diminuí-lo, de maneira que se possa garantir sempre uma boa performance dos seus aparelhos.

como melhorar o Ping
Não há como melhorar o Ping de um dispositivo para jogos eletrônicos sem antes certificar-se de que sua manutenção está em dia.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Principais ferramentas para diminuir o Ping ou melhorá-lo

A melhor maneira de garantir sempre a melhor interação entre os praticantes de jogos eletrônicos é realizando testes de latência de forma periódica. E, para isso, existem os chamados “Redutores de Latência”, que são programas que incumbem-se justamente disso: garantir feedbacks rápidos, principalmente em eventos de jogos profissionais.

Resumidamente, o que esses redutores de latência fazem é utilizar os seus próprios recursos para diminuí-la. Isso porque não há como melhorar o Ping, ou reduzi-lo, sem utilizar programas que possuem os seus próprios servidores. E essa é uma estratégia que realiza uma espécie de otimização da sua internet. Ela, inclusive, faz uma alteração do seu IP durante o processo de ajuste do Ping.

Principais programas

E dentre os principais programas comumente utilizados para essa operação, destacamos o Exitlag. Essa é uma ferramenta desenvolvida por brasileiros e capaz de realizar esse ajuste em mais de 100 modalidades de games.

Além do Exitlag, há também como melhorar o Ping com softwares mais profissionais. É o caso, por exemplo, do NoPing, um outro programa também desenvolvido por brasileiros. Ele age por meio de uma completa otimização de todos os dispositivos conectados em um mesmo ambiente.

Completam essa lista com os principais programas que mostram como melhorar o Ping em dispositivos de jogos eletrônicos, o Wtfast e o Semlag. O primeiro você irá adquirir ao preço de R$9,00 por semana, enquanto o segundo, você acessará por meio de um plano mensal de R$19,90.

Mas há também o plano Claro Gaming, que lhe oferece até 500Mbps de banda larga. Além disso, oferece otimização desse ajuste de latência, entre outros recursos oferecido de forma totalmente gratuita pela empresa.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

E caso esse artigo tenha sido útil, deixe a resposta na forma de um comentário. Mas também continue acompanhando as publicações do banzaicon.net e aguarde os nossos próximos conteúdos.

Rolar para cima